Internet tornou o tempo mais curto?

Manter-se moderno com a enorme informação de conteúdo disponível hoje – seja no Twitter, nas notícias ou no programa da Netflix, este cada vez mais rápido e constante.

Como resultante, o tempo que o tema permanece o mesmo – um critério aproximado de atenção ilimitada.

Os poetas avaliaram um total de 43 bilhões de tweets e analisaram as 50 principais hashtags  do mundo, de 2013 a 2016.

Relatos

Eles calcularam que as hashtags  mais populares e descobriram que em 2013, uma hashtag permaneceu na lista top 50 por uma apreciação  de 17,5 horas, e já analise caiu para 11,9 em 2016.

Essa contração de esmero não é apenas um fruto da internet. Por correção, os pesquisadores analisaram por de que modo tempo certas palavras e permaneceram na moda em 100 anos de batalha disponibilizada pelo Google.

Eles descobriram que os extremos contagiantes eram usados em listas por uma média de seis ciclo no século XIX, mas só permaneciam  por um mês no ciclo XXI.

O que Acontece com as Pessoas

Muitas pessoas estão sentindo uma qualidade de exaustão, as coisas que você tem que inspecionar.

Interesse do público está modificando rapidamente com um corretivo porque há mais tema  produzidos nos estágios iniciais de uma nova tendência, os sistemas avançados  de informação,  na década de 1980 um filme blockbuster , tinha um aumento intenso  nas vendas de ingressos de uma semana para outra – foi lançado em apreciação a cada quatro semanas, mas esse tempo subtraiu  entre uma e duas semanas  em 2018.

Isso se traduz que estamos nos contando por tendências mais breves, mas também estamos deixando  o interesse pelo conteúdo com mais rapidez. As únicas fontes de mídia cujo tema  não está se voltando impopular mais rapidamente, de regularizado  com o estudo, são os ocupações  de pesquisa científica “Wikipedia”.

Acho que estão sentindo uma circunstância de exaustão com as coisas simples.

Mas será difícil para os institutos se adaptarem a marcha crescente dos sistemas sociais se eles também quiserem lucrar em uma regra voltada para a convivência.

“O problema, como eu vejo, é que há vistas de se ter últimas que chegam rapidamente e que são comoventes e emocionantes”, diz ele. Um site que venda originalidades lentas precisa lidar com o fato de ser difícil e às vezes chato entender profundamente um pepino complexo.

Uma implicação de uma curta atenção pública pode ser que é mais dificultoso responsabilizar as pessoas.

Por exemplo, relata que pode ser cada vez mais duro para os jornalistas reger uma pesquisa aprofundada de referências devido a pressões para que as últimas sejam divulgadas primeiras, e a técnica de que as últimas têm vida útil curta.

E quaisquer correções ou inspirações emitidas podem ter suplementar probabilidade de alcançar os leitores, porque eles provavelmente mudaram para outro conteúdo enquanto os erros são auscultados e corrigidos.

A notícia precisa ser reformulada para assistir as pessoas a lidarem com a sobrecarga de dados.

Uma intervenção pode ser a de transfazer as normas jornalísticas da originalidade para a qualidade – vidas com mais pesquisas de justificativa, ou outros valores jornalísticos noticiosos.

Jornalistas são ótimos em comunicação de galera, os governos não estão prontos para uma reviravolta tão rápida.

No universo científico, pode ser incerto se os pesquisadores escolherem ativamente estudar tópicos da moda que estão nas manchetes, quantas outras questões emergentes que exigem mais momento e esforço.

Se a conhecimento é o culpado de informação e da volatilidade da atenção, a conhecimento também faz parte de caráter.

Bem vindo à revolução da Internet.