Trocador de Calor Casco e Tubos: 4 Dicas Úteis Para Manutenção

Os trocadores de calor são um dispositivos essenciais para a operação de máquinas/equipamentos na indústria e por isso é importante que eles estejam trabalhando com a máxima eficiência. 

Trocadores sujos, por exemplo, podem retardar seus processos, contaminar seu produto e diminuir a eficiência geral da sua empresa. 

Portanto, para evitar essas consequências negativas, é importante estar atento à manutenção do trocador de calor casco e tubos e à limpeza adequada.

Veja a seguir quatro fatores que devem ser lembrados para tornar a manutenção deste tipo de trocador de calor mais eficaz possível!

1) Tenha um plano

Quando chegar a hora de limpar o trocador de calor casco e tubos, há uma boa chance de que você precise encerrar as operações temporariamente. Isso é tempo de produção perdido, o que se traduz em produção e eficiência reduzidas. 

No entanto, existem maneiras de minimizar os efeitos deste desligamento. Uma das mais eficazes de diminuir o impacto é se preparar para isso.

Portanto, tenha uma data dedicada para a manutenção planejada. Dessa forma, você pode planejar com antecedência a preparação do evento, permitindo escolher um dia inconsequente para o encerramento. 

Além disso, como os prestadores de serviços especializados em manutenção de equipamentos geralmente têm agendas lotadas, o planejamento antecipado pode ajudá-lo a escolher a data e a hora que melhor lhe convier – e não quando o contratado tiver um espaço livre em sua agenda.

Sem uma data predeterminada para manutenção planejada, é muito fácil deixar essa importante tarefa ser adiada. 

E quando isso acontece, é mais provável que o seu equipamento tenha problemas. Mais cedo ou mais tarde, você terá que encerrar sua operação sozinho ou um equipamento falhará e precisará agendar rapidamente a manutenção reativa. 

Não há como prever se ou quando isso ocorrerá, e nem sempre isso pode ser a seu favor.

2) Inspecione seu equipamento

Incrustação excessiva nunca é uma coisa boa para o seu trocador de calor. Se não for identificado ou tratado em tempo hábil, poderá resultar em vários problemas, incluindo produtos contaminados ou inutilizáveis, corrosão ou vazamentos. 

Logo, para evitar esses problemas é importante observar quando a incrustação começa a se formar e removê-la imediatamente. Verifique os feixes de tubos e o lado da carcaça quanto a sinais de acúmulo de material ou corrosão.

3) Colabore com as pessoas certas

A manutenção do trocador de calor de conchas e tubos não é uma tarefa pequena, por isso é importante incluir todo e qualquer pessoal relevante no planejamento. 

Trabalhe em conjunto para identificar as necessidades de manutenção, um dia que funcione melhor para a empresa e os profissionais certos para auxiliar ou realizar o trabalho.

Ao incluir pessoas de diferentes departamentos, você poderá colaborar em decisões inteligentes que são boas para a empresa em geral. 

Além disso, quando você aborda seu dia de manutenção planejada com uma lista de verificação, é mais provável que tenha um dia de desligamento o mais produtivo possível.

Outras informações que você também pode fornecer a um contratado que irá trabalhar com seu equipamento são um registro de manutenção, documentação do fabricante do equipamento original ou informações sobre os produtos ou fluidos utilizados no equipamento.

4) Limpeza pós-limpeza

Dependendo do seu método de limpeza, ainda pode haver tarefas necessárias a serem executadas quando tudo estiver limpo. Por exemplo, se você usou produtos de limpeza químicos ou mecânicos para remover a incrustação, pode haver restos de restos. 

Isso pode contaminar seu produto se não for tratado. Por isso, enxágue o equipamento para garantir que não restem produtos químicos ou sujeira.

O seu trocador de calor de tubo e concha é projetado para ser fechado firmemente na maioria das vezes. Como tal, a abertura às vezes pode causar danos à junta, então certifique-se de verificá-la duas vezes, assim como sua tampa antes de encerrar a manutenção do trocador de calor. 

A manutenção e limpeza do trocador de calor pode ser uma tarefa demorada, mas não vale a pena adiar. Por ser proativo, você pode ajudar seu equipamento a ter um desempenho mais eficiente e, consequentemente, durar mais.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *